Hang diz que ‘será um prazer’ depor na CPI da Covid após ser convocado

A CPI da Covid, no Senado Federal, aprovou o requerimento da convocação do empresário Luciano Hang, dono da varejista Havan, para depor perante ao colegiado na próxima semana. Em resposta nas redes sociais, Hang disse que “será um prazer depor” aos senadores.

O empreendedor é apoiador declarado do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) e defensor contumaz das pautas e interesses do chefe do governo federal.

Segundo o presidente do colegiado, senador Omar Aziz (PSD-AM), a oitiva será realizada na próxima quarta-feira (29), às 10h.

A CPI da Covid foi criada no Senado após determinação do Supremo. A comissão, formada por 11 senadores (maioria é independente ou de oposição), investiga ações e omissões do governo Bolsonaro na pandemia do coronavírus e repasses federais a estados e municípios. Tem prazo inicial (prorrogável) de 90 dias. Seu relatório final será enviado ao Ministério Público para eventuais criminalizações.

Mostrar mais
Botão Voltar ao topo
Fechar