Vice-presidente do Senado, Veneziano diz que tanques em Brasília são “menosprezo à República e às Instituições Democráticas”

O Vice-presidente do Senado Federal, Senador Veneziano Vital do Rêgo (MDB-PB) criticou, nesta terça-feira (10), a atitude do presidente da República, Jair Bolsonaro, de colocar tanques de guerra em desfile, na frente ao Congresso Nacional, justamente no dia em que a Câmara dos Deputados vota a proposta, defendida por ele, de instituir o voto impresso no Brasil.

Para o senador paraibano, a cena retrata “uma trama rocambolesca e abjeta”. Veneziano disse também, por meio de suas redes sociais, que a atitude do chefe do Poder Executivo, ao claramente intimidar os parlamentares na análise da proposta do voto impresso, é “um fato não coincidente que reitera o menosprezo do presidente para com a República e as Instituições Democráticas”.

A atitude do presidente Jair Bolsonaro vem sendo amplamente criticada por parlamentares e outras autoridades brasileiras.

Mostrar mais
Botão Voltar ao topo
Fechar