Ex-prefeito de Rio Tinto diz que sentimento na cidade é de arrependimento: “mas em 2024 serei candidato novamente”

O ex-prefeito da cidade de Rio Tinto, Fernando Naia, esteve nesta sexta (03) no Programa 360º.

Naia relembrou seu trabalho na cadeira executiva da cidade e mesmo não alcançando a reeleição disse ter “vivido um sonho”: “Eu tinha esse sonho, de servir a população, eu servi a Dona Maria, o Seu José, servi os invisíveis”. O prefeito mostrou agradecimento pela sua eleição e diz que a sua reeleição não foi possível pelo intenso “derramamento de dinheiro na cidade”: “Até hoje todo mundo comenta isso, que foi dinheiro como nunca visto nessa cidade. Hoje muitas pessoas que não votaram em mim vem me dizer no meio da rua que estão arrependidos”. Naia lembrou que perdeu a eleição por menos de 200 votos.

Obras paradas, veículos sucateados, servidores sem pagamentos

Fernando Naia lamentou que a ambulância da cidade se encontra parada há quase 90 dias: “Ontem mesmo teve um acidente de moto, ficou o casal estendido no chão. A ambulância precisa de conserto só, não é sucata, ela foi adquirida em 2018, até dezembro estava funcionando”.

Continuando seu trabalho como cidadão, Fernando Naia frisa que mora na cidade e sempre se mantem atento aos gastos, mas que uma despesa chamou sua atenção: “Tem no Sagres, foram R$17 mil gastos para consertar ônibus escolares, aí eu pergunto, como isso? Com as aulas paradas”.

Assim que assumiu, em 2018, o prefeito encontrou o funcionalismo público sem receber seus terços de férias: “Fomos e colocamos em dia. Elaborei uma tabela, os servidores nem precisavam vir atrás de mim para receber, no mês dos aniversários recebiam, agora os servidores estão novamente sem receber esses proventos”.

Planos para 2024

Mesmo sem exercer o cargo executivo, Fernando Naia segue como fiscalizador e atuante. Ele relata que vem sendo cobrado pela população para concorrer novamente: “Eu não tenho nem como dizer que não serei candidato em 2024. Mas até lá sigo trabalhando, como faço nos últimos 10 anos, moro na cidade, luto por ela”.

Siga o vídeo completo abaixo: 

Mostrar mais
Botão Voltar ao topo
Fechar