‘O CACHORRO ARRANCAVA OS PEDAÇOS’: Polícia prende traficante ‘Lorde da Trevas’ que usava pitbull em assassinatos

Um suspeito de tráfico de drogas acusado de usar um cachorro pitbull para auxiliar em assassinatos em disputa com outros criminosos foi preso na manhã de hoje em Curitiba. Segundo a Polícia Civil, o cão foi encaminhado para uma ONG e o homem responderá por dois homicídios e será investigado por outras mortes no bairro do Prado Velho, na capital paranaense.

De acordo com o delegado da Delegacia de Homicídios, Tito Barichello, uma operação deflagrada hoje, com auxílio da Delegacia do Meio Ambiente fez a prisão do suspeito, de 29 anos, que se auto-intitula “Lorde das Trevas”. O cão, de acordo com uma das testemunhas, atende por Simba.

“Fizemos a prisão de uma pessoa que tinha prisão temporária decretada por diversos homicídios. Ele se intitula de Lorde das Trevas e usa um pitbull para atacar pessoas”, disse Barichello.

“O pitbull já tirou pedaços de pessoas. O suspeito usa armamento de fogo, mas também o pitbull e um esqueleto, que também apreendemos, para assustar as pessoas”, acrescentou. De acordo com o delegado, os assassinatos seriam por conta de disputas de tráfico, já que o homem é suspeito de ser um dos chefes do crime no local.

pit - Reprodução de vídeo - Reprodução de vídeo

“O pitbull foi apreendido por ordem judicial, já que ele era bem tratado, bem alimentado, vacinado e não era uma vítima, mas usado como um instrumento para os crimes. É o primeiro caso que tenho conhecimento assim”, afirmou o delegado. “A Delegacia do Meio Ambiente, que tem pessoal treinado para não machucar o animal, fez a apreensão e agora ele será levado a uma ONG, que vai tratá-lo, antes de ser encaminhado para doação”.

Uma testemunha, que falou sob anonimato sobre o modo de atuação do traficante.

“Eu tenho muito medo de morrer. Eu sou moradora de rua, sou usuária de crack. Eu tenho muito medo da disciplina da favela, que é o ‘lorde das trevas’. Ele tem um cachorro. Eu tenho medo do cachorro dele, é o Simba. Ela manda o cachorro atacar. O cachorro ataca as pessoas. Toda vez que o ‘lorde’ chega com o pitbull, é porque alguém vai morrer”, diz a testemunha.

O suspeito responderá por dois homicídios e será investigado por outros assassinatos ocorridos na região.

Mostrar mais
Botão Voltar ao topo
Fechar